Clique aqui e baixe o Mozila Firefox, é gratis.


Clique aqui e baixe o Mozila Firefox, é gratis.

Mozila Firefox Google Chrome

Mozila Firefox Google Chrome

Sexta-feira, 01 de junho de 2018

Mechas californianas: como arrasar com esse visual que volta com tudo

Compartilhar:  
As mechas californianas surgiram em 2008 através de surfistas da Califórnia, que frequentemente passavam parafina nas pontas do cabelo para dar a cor mais clara. A técnica ganhou espaço nos salões por todo o Brasil em 2012 e consiste em manter as pontas dos fios descoloridas, em um tom diferente do resto do cabelo.

A californiana valoriza a coloração natural do cabelo sem mudar radicalmente a aparência e ainda traz um ar praiano e iluminado ao visual. O interessante deste look é que ele fica lindo com vários tipos de cabelo e ainda é prático, pois não necessita retoque da raiz. Confira a seguir dicas para garantir mechas perfeitas. Como escolher o tom ideal

As mechas californianas são superversáteis, mas talvez algumas informações sejam necessárias antes de sair descolorido os cabelos. Por isso, saber como escolher a tonalidade ideal das mechas conforme a cor natural dos fios é essencial. Californiana para morenas

FOTO: REPRODUÇÃO / CAROLINE RECEVEUR

Como o contraste entre o loiro e a raiz escura é mais perceptível nas morenas, é necessária atenção maior em relação aos tons escolhidos para as pontas. Nos cabelos castanhos escuros, o ideal é aplicar tons de mel, puxando para o dourado, de forma que a divisão de cores fique mais suave. Já os cabelos castanhos mais claros podem variar mais na cor das pontas, optando por tonalidades de caramelo que trazem suavidade, ou escolher tons mais claros, evidenciando o clareamento. Californiana para loiras

FOTO: REPRODUÇÃO / NASTY GAL

Nas loiras as mechas californianas podem ser feitas com nuances diferentes para garantir um resultado mais natural. Cores como loiro-platinado, loiro-claríssimo e loiro-mel são ótimas opções para as pontas. Para o efeito queimado de sol, ou beach hair, o ideal é que a tonalidade da raiz e das pontas sofram uma mudança suave, ou seja, vá clareando de acordo com a cor da sua raiz até se chegar no tom de loiro desejado, dessa forma o cabelo fica iluminado sem perder sua cor natural.

Leia também: Shampoozada: saiba como clarear o cabelo com essa técnica Californiana para negras

FOTO: REPRODUÇÃO / MONA BALTAZAR

Mulheres negras também não ficam de fora dessa moda. As californianas combinam bem com cachos e deixam eles mais modernos e estilosos. As pontas loiras dão uma aparência totalmente diferente e descolada aos cabelos cacheados e crespos e também ficam lindos em mulheres que optam por box braids. Uma atenção maior nesse caso é em relação com os cuidados após descoloração, para garantir que o cabelo não perca sua definição. Californiana para ruivas

FOTO: REPRODUÇÃO / CAROLINE RECEVEUR

As ruivas já chamam a atenção por onde passam devido ao lindo alaranjado de seus cabelos, com a técnica das mechas californianas isso só se intensifica. O ruivo fica ótimo com outros tons de laranja mais claros nas pontas ou até mesmo com mechas loiras, que trazem jovialidade ao look. O cuidado aqui é para quem já tem cabelo descolorido, já que o objetivo é evitar o ressecamento do fio. Californiana para cabelos coloridos

FOTO: REPRODUÇÃO / SARAH

Os cabelos coloridos ganham cada vez mais espaço, mas muitas mulheres querem se apropriar do look sem ter que descolorir o cabelo todo. Para isso, as mechas californianas coloridas são a solução. Elas podem ser feitas de uma só cor ou por uma gama de tonalidades juntas. Uma dica para que o degradê não fique extremamente artificial, é intercalar a altura onde os fios coloridos vão começar.

DicasDeMulher