Clique aqui e baixe o Mozila Firefox, é gratis.


Clique aqui e baixe o Mozila Firefox, é gratis.

Mozila Firefox Google Chrome

Mozila Firefox Google Chrome

Segunda-feira, 18 de junho de 2018

Capitã Marvel: Pela primeira vez, uma compositora será responsável pela trilha de um filme do Universo Cinematográfico Marvel

Compartilhar:  

Primeiro filme do Universo Cinematográfico Marvel protagonizado por uma mulher, Capitã Marvel também traz outro avanço para representatividade feminina no cinema. Finalmente, uma compositora será responsável pela trilha sonora de um blockbuster do estúdio. Trata-se de Pinar Toprak, conhecida pelo seu trabalho na série Krypton e por ajudar em músicas adicionais de Liga da Justiça.

Através do instagram, a compositora turca agradeceu a oportunidade de comandar a trilha de Capitã Marvel: "É uma incrível honra fazer parte do MCU. Tantos pensamentos surgem pela minha cabeça. E o maior deles é agradecimento. Tenho que dizer obrigada para várias pessoas nessa jornada, principalmente para meus incríveis agentes Laura Engel e Richard Kraft, que acreditaram em mim desde o primeiro dia. E desejo agradecer aos diretores Anna Boden e Ryan Fleck, por me darem uma chance única nessa vida."

Esse é o novo passo da Marvel em sua iniciativa para inserir mais mulheres em seu time criativo - 97,96% ainda formado por homens. Depois de tal revelação, Kevin Feige prometeu que mais filmes do estúdio terão mulheres na direção, começando Anna Boden dividindo o comando da aventura estrelada por Brie Larson com Ryan Fleck. Além disso, rumores apontam que os executivos estão procurando uma cineasta para o filme solo da Viúva Negra (Scarlett Johansson).

Capitã Marvel volta aos anos 1990 para mostrar como a piloto Carol Danvers (Larson) adquiriu poderes especiais durante uma guerra alienígena. Jude Law, Annette Bening, Gemma Chan, Ben Mendelsohn, McKenna Grace, Algenis Perez Soto e Lashana Lynch estão no elenco - que ainda terá os retornos de Samuel L. Jackson (Nick Fury), Clark Gregg (Phil Coulson), Lee Pace (Ronan, o Acusador) e Djimon Hounsou (Korath, o Perseguidor).