Clique aqui e baixe o Mozila Firefox, é gratis.


Clique aqui e baixe o Mozila Firefox, é gratis.

Mozila Firefox Google Chrome

Mozila Firefox Google Chrome

Sexta-feira, 10 de agosto de 2018

Inspirado, Tsitsipas derruba Djokovic e avança às quartas de final do Masters 1000 de Toronto

Compartilhar:  

Em duelo válido pelas oitavas de final do Masters 1000 de Toronto nesta quinta-feira (09), o jovem grego de 19 anos, Stefanos Tsitsipas aprontou para cima do sérvio Novak Djokovic e venceu o atual campeão de Wimbledon por dois sets a um com as parciais de 6/3, 6/7(5) e 6/3, em 2h17 minutos de partida.

Classificado para as quartas de final do torneio, Stefanos Tsitsipas, 27º do ranking da ATP espera o vencedor do duelo entre o alemão e número 3 do mundo, Alexander Zverev contra o russo Daniil Medvedev. O jogo

Tsitsipas começou o primeiro set bem agressivo e tomando a iniciativa dos pontos. O grego confirmou os seus saques com tranquilidade e pressionou Djokovic na maior parte do tempo. No sexto game, o número 27 do ranking conquistou a quebra de saque a abriu vantagem no set. Com 5/2 de frente, Tsitsipas apenas administrou e venceu o primeiro set por 6/3.

No segundo set, Djokovic conseguiu equilibrar um pouco mais a partida. Um pouco mais consistente, o sérvio não permitiu quebras de saque e inclusive salvou match-point no 5/4. Saque a saque, a segunda parcial foi para o tie-break. No game de desempate, o número 10 do ranking da ATP foi mais consistente, contou com alguns erros do jovem grego e levou o segundo set por 7/6(5).

No set decisivo, Tsitsipas começou agressivo e confirmou o seu saque com tranquilidade. Sem se abater após ser derrotado no segundo set, o grego foi pra cima do atual campeão de Wimbledon e quebrou o saque do adversário logo no segundo game para fazer 2/0.

Mas, na sequência, Tsitsipas teve dificuldades para confirmar a quebra. O jovem cometeu erro de direita, de voleio e viu Djokovic ter duas chances de devolver o break. Porém, firme em seu serviço, o jovem conseguiu salvar as duas oportunidades e abriu 3/0.

Firme e sem deixar Djokovic voltar na partida, Tsitsipas conseguiu se manter nos seus games de saque e não deixou o sérvio ter nenhuma oportunidade de quebra sequer. Com isso, o grego abriu 5/3 e saque e fechou o jogo em 6/3 no set decisivo.