Quarta-feira, 08 de maio de 2019

Dormir de costas para o parceiro (se tocando ou não) entrega como é seu relacionamento

Compartilhar:  

O que a posição de um casal na cama durante o sono pode dizer sobre a felicidade do relacionamento? Parece óbvio que, se os dois dormem coladinhos a noite inteira, o nível de romantismo e cumplicidade está lá no alto. E isto chegou a ser demonstrado cientificamente.

Um estudo publicado no Festival Internacional de Ciência de Edimburgo analisou o comportamento de 1.000 pessoas durante o sono, fazendo relação com a satisfação conjugal de cada um. Dos casais que relataram dormir se tocando a noite inteira, 94% se disseram felizes com o parceiro. E os que costumam ficar de costas um para o outro?

Relacionamento maduro

Quando o casal dorme de costas, mas mantém contato durante a noite, tende a significar um certo amadurecimento emocional, em que os dois sabem respeitar a liberdade de cada um. Segundo a pesquisa, 42% dos casais dormem de costas um para o outro, 31% permanecem virados para o mesmo lado e só 4% ficam de rosto colado.

Trum Ronnarong/Shutterstock

Se os dois não se tocam e dormem de costas um para o outro, pode indicar cumplicidade e confiança, mas também leva a crer que há algum ruído no relacionamento, causado por desgaste ou desentendimento. Principalmente se esta posição virar um hábito - sem querer, o casal vai se acostumando com o afastamento.

Cada caso é um caso

É importante ressaltar, no entanto, que as amostras deste estudo não são conclusivas, e que o contexto de cada relacionamento deve ser levado em conta. Existem casais super felizes que dormem de costas sem se tocar - seja pelo calor ou por causa de um incômodo físico, por exemplo.

Em resumo, não dá para dizer que um relacionamento está dando errado só porque o casal dorme de costas um para o outro e sem manter contato. Por outro lado, passar a noite grudado no parceiro é sim um indicativo de que as coisas vão bem no amor.

MSN