Terça-feira, 12 de fevereiro de 2019

Desafiado por Anderson Silva, Nick Diaz descarta luta: Só quero curtir

Compartilhar:  

Anderson Silva tem um alvo preferencial para a luta que pretende fazer em Curitiba, provável sede do UFC 234, em 11 de maio: Nick Diaz. Mas o meio-médio (77 kg), que subiu de categoria em 2015 para enfrentar o Spider, declarou não estar disposto a largar a aposentadoria para uma revanche.

Em postagem feita na ferramenta Stories do Instagram, Diaz deu a entender que não pretende voltar ao octógono. Ele, cuja última luta foi justamente contra o ex-campeão dos médios (84 kg), já chegou a negociar com o UFC algumas vezes nos últimos anos, mas nunca chegou a confirmar seu retorno. "F***-se tudo isso. Eu não quero machucar ninguém. Só quero curtir", afirmou.

Na entrevista coletiva após o UFC 234, Anderson declarou aos jornalistas que o combate contra Nick seria "muito interessante" e que já havia contatado o empresário do antigo rival meses atrás, tendo recebido uma sinalização positiva. Spider ainda disse que a possibilidade de um novo encontro com Diaz dependeria de Dana White, presidente do UFC. Pelo visto, entretanto, não é o caso.

Conhecido pela postura polêmica dentro e fora do octógono, Diaz teve 26 vitórias, 9 derrotas e duas lutas sem resultado em sua carreira como profissional de MMA. O veterano tem como maior conquista o título meio-médio (77 kg) do extinto evento Strikeforce.