Clique aqui e baixe o Mozila Firefox, é gratis.


Clique aqui e baixe o Mozila Firefox, é gratis.

Mozila Firefox Google Chrome

Mozila Firefox Google Chrome



Sexta-feira, 15 de março de 2019

Santos é derrotado pelo Novorizontino e perde a liderança no Campeonato Paulista

Compartilhar:  
Murilo Henrique festeja o gol do Novorizontino (Foto: Marcos Ribolli)
Tigre surpreende

O Santos sofreu uma derrota tripla ao ser batido por 1 a 0 pelo Novorizontino, nesta sexta-feira à noite, no Pacaembu, pela penúltima rodada da fase de grupos do Campeonato Paulista. Além do jogo, o Peixe perdeu a liderança do Grupo A e ainda não tem mais a melhor campanha entre os 16 participantes do estadual. O gol marcado por Murilo Henrique deixa o Tigre muito perto da classificação para o mata-mata.

  • Classificação

    Já garantido na segunda fase, o Santos permanece com 23 pontos, mas agora em segundo na chave. Isso porque o RB Brasil bateu o São Bento por 3 a 2, chegou aos 24, assumiu a ponta do grupo e passou a ser o dono da melhor campanha do Paulistão (os times vão se enfrentar nas quartas de final). Ponte Preta e São Caetano estão eliminados. 

  • Novorizontino quase lá

    No Grupo B, O Novorizontino subiu para os 19 pontos, mesmo número do Palmeiras, mas perdendo no saldo de gols (6 a 1). Para garantir a classificação já neste sábado, o Tigre precisa contar com um tropeço do Guarani (terceiro, com 14) no clássico contra a Ponte Preta, em Campinas.

  • Primeiro tempo

    O Novorizontino bem que tentou pressionar a saída de bola nos minutos iniciais, chegou a assustar com um quase gol olímpico, mas o Santos respondeu rapidamente. O Peixe colocou velocidade no ataque, envolveu a marcação e pressionou. Rodrygo e Cueva fizeram boa dupla no começo do jogo. Em ótima jogada do garoto, o peruano chutou sem goleiro na área, e Matheus Sales tirou quase sobre a linha. Em seguida, após tabela ele entre eles, a joia alvinegra parou em defesa de Vagner. E o Peixe parou. O time caiu de produção, sofreu para passar pela marcação e abriu espaços na defesa até que o Tigre chegasse ao gol, aos 30 minutos. Em contra-ataque, Felipe Marques entortou Victor Ferraz e tocou para Murilo Henrique bater cruzado. Já no fim, Felipe Marques disparou, tentou driblar Vanderlei e caiu na área pedindo pênalti. O árbitro ignorou.

  • Segundo tempo

    O Santos voltou ainda mais ofensivo no segundo tempo, mas novamente encontrou dificuldades para furar o bloqueio adversário. Jean Mota, aos oito, bateu por cima da entrada da área. Sampaoli, então, passou a mexer: Felippe Cardoso e Copete entraram nas vagas de Cueva e Soteldo, respectivamente. As alterações, porém, não mudaram o jogo. Pior, o Santos esteve muito perto de sofrer o segundo gol. Felipe Marques duas vezes teve boa oportunidade, mas chutou por cima. O Santos ainda insistiu nos minutos finais em busca do empate. Felipe Jonatan, aos 44, desviou de cabeça na área, e a bola passou perto do gol.

  • Homenagens a Coutinho

    O Santos prestou uma série de homenagens ao ídolo Coutinho, que faleceu na última segunda-feira, aos 75 anos. O Peixe atuou nesta sexta diante do Novorizontino com uma imagem de Coutinho na parte da frente da camisa. Nas costas, todos os jogadores estamparam o nome do artilheiro. Os atletas também usaram uma faixa no pulso, assim como Coutinho fazia para diferenciar-se de Pelé em campo. Antes da partida, a diretoria entregou uma placa à família do ex-jogador. Nas arquibancadas, os torcedores gritaram o nome do lendário goleador e exibiram uma faixa para homenageá-lo.

  • Sampaoli se incomoda com derrotaSampaoli na partida desta sexta-feira
  • Última rodada

    O Santos enfrenta o Botafogo, quarta-feira, às 21h30, no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto. No mesmo dia e horário, o Novorizontino recebe a Ferroviária, em Novo Horizonte.

  • Globoesportes.com

  •