Sábado, 25 de maio de 2019

Valencia aproveita chances, vence o Barça e fica com o título da Copa do Rei

Compartilhar:  
Valencia fica com o título da Copa do Rei (Foto: Reuters)
A temporada sem brilho do Barcelona, com altos e baixos entre o título espanhol e a eliminação nas semifinais da Champions, terminou de forma melancólica. O time catalão não conseguiu superar o Valencia, que aproveitou as poucas chances que teve, abriu boa vantagem e assegurou o título da Copa do Rei ao vencer por 2 a 1, neste sábado, em Sevilha. Gameiro e Rodrigo fizeram para o Valencia, e Messi descontou. A derrota na final da Copa do Rei encerra com gosto amargo uma temporada em que o Barcelona pode ter o que comemorar, mas também tem a lamentar. Apesar da conquista do título espanhol, o time de Ernesto Valverde passou longe do brilhantismo de outrora e teve como base para a conquista as atuações individuais de Messi. A queda nas semifinais da Champions, com uma derrota por 4 a 0 para o Liverpool, somada à perda do título da Copa do Rei certamente pesarão na balança que deve pesar a favor de mudanças no clube catalão. Ao superar o Barcelona e conquistar o tradicional troféu, o Valencia encerra um jejum de 11 anos, uma vez que não conseguia um título desde a temporada 2007/08, quando ficou justamente com a Copa do Rei. O triunfo na final também coroa a temporada do centenário do clube valenciano, que terminou o Campeonato Espanhol na quarta colocação.Para conseguir a primeira vitória sobre o Barça na temporada, o Valencia usou a precisão quando teve chances no ataque. Embora tenha visto o adversário dominar a posse de bola, o time comandado por Marcelino Toral se manteve firme na defesa e não deixou o Barça finalizar. Quando foi ao ataque, foi letal - apesar da chance que Piqué salvou em cima da linha. Gameiro e Rodrigo encaminharam a vitória, que foi garantida na etapa final apesar do gol de Messi. Por Globoesportes.com