Domingo, 26 de maio de 2019

Jornalista, pré-candidato a prefeitura de Maricá, é assassinado

Compartilhar:  
Jornalista Robson Giorno é morto a tiros em Maricá Foto: Arquivo Pessoal

O jornalista Robson Giorno, dono do Jornal O Maricá e pré-candidato a prefeitura de Maricá para as eleições de 2020, pelo partido Avante, foi assassinado, na noite deste sábado, na Avenida Prefeito Ivan Mundin, via que corta os bairros Eldorado e Araçatiba, em Maricá, município da Região Metropolitana do Rio.

De acordo com a polícia, agentes da PM foram acionados para o local do crime, após serem alertados sobre um homicídio a tiros na Avenida Prefeito Ivan Mundin.

Informações de portais de nótícias de Maricá, ainda não confirmadas pela polícia, afirmam que Giorno, como o jornalista era conhecido, chegava em casa a pé quando um carro de cor prata passou na frente do imóvel e começou a atirar contra a vítima.

Policiais civis também foram ao local do crime para realizarem a perícia. A Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí (DHNSG) está responsável pelas investigações do caso.

Sobre o caso, a prefeitura de Maricá emitiu uma nota em que lamentou a morte de Giorno e disse que repudia qualquer ato de violência:

A Prefeitura de Maricá manifesta seu pesar pela morte trágica do jornalista Robson Giorno e espera que as investigações conduzam rapidamente à identificação e punição dos responsáveis. Assim como reiteramos nosso compromisso com a liberdade de imprensa e de expressão, repudiamos também qualquer ato de violência. Reafirmamos ainda nossa permanente preocupação com a segurança de todos os que vivem e trabalham em Maricá. Nossos sentimentos à família.

Letícia Gasparini/EXTRA